sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Excelente ponderação do grande Carl Sagan:

 
À você, religioso, que talvez nos visite, pelo menos uma vez na vida, cogite a possibilidade dessas declarações. Lembre-se que a verdadeira resposta nem sempre é a mais confortável e não confunda lógica com agradabilidade, uma vez que muitos concluem que essas declarações não são lógicas porque resultam em uma conclusão um pouco desagradável. Além disso, como diz o grande cosmólogo:
É muito melhor aceitar a dura verdade do que uma fábula tranquilizadora.

47 comentários:

  1. Sugiro uma crítica aos textos de Rm 1.20 e Sl 19.1! Acho que seria muito interessante!
    Clóvis, Cariacica, ES.

    ResponderExcluir
  2. Olá Eduardo,
    Sou de Natal-RN e estudo engenharia na UFRN. Gostei bastante do blog, pois levanta questões que muitas vezes cristãos como eu não abordamos. De qualquer forma, gostaria de saber a sua opinião a respeito de 2 argumentos famosos a respeito existência de Deus (ou inteligência superior, como queira):

    O argumento Cosmológico: NADA CRIOU ALGO X ALGO CRIOU ALGO. Cosmológico por que usa evento conhecido como BIG-BANG ´para reforçar o argumento a favor da segunda opção;

    O argumento do projeto inteligente: Algo inteligente criou algo inteligente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Eder, seja muito bem vindo!

      Legal encontrar um conterrâneo. Embora tenha nascido em Belém, moro em Natal há muitos anos.

      Bom, para adiantar, eu não sou ateu. Então talvez tenhamos o mesmo conceito. Com apenas uma ressalva, o design inteligente não necessariamente implica em uma construção proposital.

      Se você apanhar 6 dados e ficar jogando eles aleatoriamente por milhares de vezes, um dia acontecerá deles caírem todos com o número 6 ordeiramente. Repetições aleatórias podem criar ordem, ou ordem do caos, como praticamente todos os mitos antigos atestam, inclusive o genesiano, pois a expressão "sem forma e vazia" bem como "profundezas" em Gênesis indicam em hebraico o "caos".

      Hoje, nem mesmo os ateus dizem que o universo veio "do nada", porque o nada não existe, fisicamente falando. A questão hoje é o que ou quem é a causa primária, o Deus bíblico? uma energia? uma força impessoal?

      Eu tenho uma teoria que pretendo colocar em forma de livro futuramente, mas devido sua extensão, não caberia aqui.

      Se quiser perguntar alguma coisa de forma mais específica, fique à vontade.

      Excluir
  3. Sim,se jogarmos um dado várias vezes um dia acontecerá deles caírem de modo ordeiro,no entanto isto não é design,isto se chama "sorte","acaso",ou qualquer outra palavra do gênero.
    Certamente não aconteceria se alguém fizesse o mesmo com as peças de um aparelho celular.

    A ordem do universo principia no caos porque todas as peças inexistentes são a principio aleatórias, o que não quer dizer sem propósito,e,no curso criativo,designa-se e toma forma o "projeto".É por isto que a tradução bíblica "sem forma" e "vazia" é uma tradução mais apropriada do que "caos",que em nossa última flor do lácio transmite única e exclusivamente a ideia de bagunça e desorganização.
    "O que" criou só poderia ser alguém que em nossa linguagem entenderíamos como um "quem pessoal".
    Michael Behe e seu design inteligent tem mudado a maneira de pensar da comunidade científica atribuindo o universo e seus intrísicos e minusiosos detalhes à uma mente muitíssimo inteligente e ordeira,que manipula a energia e designa a ordem.E ele,Behe,o faz sem filiação religiosa e muito menos teológica.
    Sendo assim,o nosso grande dilema se resume no seguinte:

    Os que crêem no Deus bíblico se baseiam na bíblia,livro escrito por homens simples que escreveram coisas incríveis,classificada como cheia de lendas e mitos pelos que não creem no Deus bíblico.

    E os que creem no Deus não bíblico se baseiam nos escritos de homens inteligentes que usam argumentos e raciocínios que visam desacreditar o Deus bíblico.Estes escritos são sua "bíblia" e contém suas lendas e seus mitos que povoam a imaginação de seus seguidores.

    Vejo que nessa guerra o "mito" bíblico da semente faz sentido,embora sem querer julgar pessoas.

    Nele,que fez o caos e fez a ordem.

    Caio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, como mencionei acima, não sou ateu, então não vejo onde muito isso pode diferir. Além disso, meu exemplo não se encaixa com "peças de um aparelho celular" porque seria dar um salto muito grande.

      Jogar os dados várias vezes poderia ocorrer de todos caírem 6, mas nunca os faria mudar de cor. Isso ocorre porque há uma diferença gigante entre uma coisa e outra, da mesma forma como aplicar essa minha analogia à "peças de um aparelho celular".

      No entanto, essas mesmas "peças de um aparelho celular" vieram todas de elementos primitivos aleatórios encontrados por acaso na natureza.

      Do jeito que você colocou acima, parece que hoje não é mais passível de debate a existência de Deus, como se hoje o caso fosse apenas: Deus Secular vs. Deus Bíblico. O que, indubitavelmente, não é verdade.

      Apesar de não ser ateu, toda vez que vejo uma apologia deísta sinto o cheiro de cristianismo por atrás, ao invés de uma pesquisa sincera e imparcial.

      Excluir
  4. Eduardo,
    Sei que vc não é ateu,mas volte ao seu comentário sobre o design inteligente onde vc diz que isso não implica necessariamente numa construção proposital.
    Você usou o exemplo dos dados e em seguida aplica-os ao que vc classifica como o caos.
    Acredito que essa sim foi uma comparação muito desproporcional e ilógica.
    Se vc acredita que existe o design inteligente a lógica deveria ser que alguem está por trás disso! Uma energia? um "o que"? vagos demais.
    Um criador não seria mais lógico?
    Na verdade eu não apliquei à sua analogia as peças de um celular apenas mostrei a diferença de um design inteligente e um acaso.
    E novamente digo:As peças de um celular não vieram de elementos aleatórios.A complexidade dos elementos celulares e,mais especificamente,no exemplo,elementos químicos,estão espalhados na natureza e por isso talvez vc os chame de aleatórios,no entanto eles são uma prova viva de projeto inteligente e ordeiro impossível de serem explicados a não ser pela pura e simples expressão: Alguém os projetou e colocou em ordem.Não algo os fez mas alguém!
    A questão do debate sobre Deus secular e Deus bíblico se deve ao fato da natureza religiosa no ser humano justamente pelo fato de existir este ser superior,que ao se voltar e criar os humanos os dotou de senso moral e designou-lhes a consciência impossíveis de serem explicados com a teoria aleatória.
    Na verdade,creio eu,independente de alguém ser cristão ou não,não existe necessidade de pesquisa para se chegar a tal conclusão,é tão simples,lógico e evidente,bem como muito mais facilmente comprovável do que os argumentos contrários a isto.
    E,para quem assim acredita,busca na pesquisa bíblica não o mito mas o criador por trás do intelecto,ou será que as diversas "bíblias" que debatem o Deus secular aproximam as pessoas assim? não se tornam tais escritos uma verdadeira fábula e um mito? teorias formadas a partir da visão de outros homens?
    Aqui encerro,com agradecimento.

    Caio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Se vc acredita que existe o design inteligente a lógica deveria ser que alguem está por trás disso! Uma energia? um "o que"? vagos demais."

      Talvez lhe seja a pouca leitura sobre o assunto, ou talvez leu muito sobre o D.I. mas apenas nos livros de apologistas cristãos. Não é a ordem no universo que me leva a aceitar a POSSIBILIDADE de Deus existir.

      O universo não é essa perfeição que você acha. Leia o livro CRIAÇÃO IMPERFEITA de Marcelo Gleiser, um dos principais cosmólogos da atualidade. O universo possui imperfeições.

      Você diz que é simples e lógico que tudo foi criado por Deus, mas esse é uma conclusão desprovida de ardor, guiada pela lei do menor esforço. Qual é o mais simples, Deus ter criado o homem como um boneco de barro, soprado em suas "ventas" e dado-lhe vida ou ter vindo a existir pela complicadíssima evolução?

      Os escritos científicos não são mitos, os bíblicos sim. Respeito sua opinião, mas essa é a minha.

      Obg pela visita.

      Excluir
    2. Bom dia,meu nobre!

      "Talvez lhe seja a pouca leitura sobre o assunto"

      De modo algum! Leio bastante a respeito,creio que esta não é uma boa abordagem de sua parte.Por que isso?
      Não é meu objetivo mudar seu ponto de vista e sim fortalecer o meu.

      "O universo não é essa perfeição que vc acha"

      O que eu acho? Não lhe disse que Deus fez o caos e fez a ordem?
      Nunca ouviu o ditado popular que "polos opostos se atraem"?

      Para mim meu conterrâneo,Marcelo Gleiser, é como os demais cientistas descritos por Newton como "um menino brincando à beira do mar..com um oceano à frente por descobrir"

      Inclusive alguns de seus conceitos estão sendo e serão reavaliados por ele mesmo ao passo que outros cientistas envolvidos em experimentos avançados revelam coisas novas sempre com os mesmos conceitos de cunho geral entre eles sobre as quatro forças fundamentais que regem a natureza.

      O problema é que o dito cujo é ateu e como todo ateu sempre irá ESPECULAR as descobertas que apontam para alguém,um criador.No entanto os argumentos deles sempre tem algo em comum:A falta de provas ou distorções.Veja por exemplo se te faz sentido esta frase:"O poder criativo da imperfeição"?
      A partir do momento que temos um universo que ainda está se expandindo e os instrumentos humanos são primitivos diante de algo estrondosamente e esmagadoramente superior o máximo que alguém pode falar é isso aí. Vc,por exemplo,poderia mencionar algo sobre esta imperfeição que depõe contra um poder oriundo de um criador? algo que você tenha entendido bem e que possa me mostrar claramente em suas palavras que não é mais um mito de uma "bíblia" atéia?

      É com respeito que converso contigo e não tenho o objetivo de te "cristianizar" ou te convencer como falou o abaixo assinado "O-Sensei",sem se aperceber que o mesmo poderia ser dito sobre vc ou ele mesmo.

      Fiquemos no campo das ideias.

      Caio

      Excluir
    3. Caio,
      Copie e cole onde eu afirmei em meu post acima algo para você dizer: "o abaixo assinado "O-Sensei",sem se aperceber que o mesmo poderia ser dito sobre vc ou ele mesmo." Eu ratifiquei a existência ou não de Deus ou sobre o Universo? Pelo que eu lembro ter escrito, eu disse que não se tem explicação, apenas "achismos" da parte religiosa e da parte cética. Estou esperando sua resposta. E para fortalecer sua crença você precisa apontar as incongruências de outras teorias sem provas como as da sua própria? Excluo "provas" do tipo "testemunhos da ação de Deus", assim como "provas" do tipo "meus estudos científicos mostram teoricamente tal coisa, sem replicar em laboratórios.", isso pra mim é falta de fé, dissonância ou distorção cognitiva ou até relutantemente escrevo a opção de desonestidade intelectual, mas é só uma opinião, logo, não tem importância objetiva ou científica. Minha sugestão(se for de seu interesse aceitar): Leia muito, observe a vida e coloque em prática o que acredita ser certo, depois disso, avalie os resultados e esteja aberto para mudar as ideias que se mostraram sem efeito ou tiveram efeito negativo para você e também continuar com aquelas que deixaram sua consciência em paz.
      Abraço
      Leandro

      Excluir
    4. "Vc,por exemplo,poderia mencionar algo sobre esta imperfeição que depõe contra um poder oriundo de um criador?"

      Onde está a perfeição e a beleza de enormes pedregulhos que vagam pelo universo de forma aleatória e que a qualquer momento poderiam entrar em colisão com a terra? Deus construiu e esqueceu de varrer o cosmos?

      Excluir
    5. Desde quando meteoros e asteroides remetem imperfeição? O cosmos é tão misterioso que segue um senso lógico para com seres vivos pensantes como nós. O ajuste fino é só um exemplo de perfeição no cosmos, e as leis físicas se comunicando umas com as outras. Ah! E os meteoros que ficam vagando no espaço sem rumo, raramente cairiam aqui, porque Júpiter e Saturno conseguem absorver a maioria desses meteoros e asteroides, impedindo que eles caíssem aqui. Além do mais, os poucos que caem aqui, são destruídos pela atmosfera espessa da Terra. Além disso, até os meteoros servem muito bem para estudarmos a sua composição e dos planetas, e talvez descobrimos novos elementos químicos. Acredito que através da ciência conseguimos conhecer a Deus.

      Excluir
  5. É incrível como o ser humano tem que se projetar naquilo que quer explicar, algo que no momento não temos explicação e mesmo que nunca tenhamos, afirmam com toda a certeza do mundo algo que querem tanto acreditar, querem tanto se convencer de que aquela imaginação é real que tentam mudar a opinião de outrem só para apoiá-lo em seus "achismos"... é preocupante.
    Leandro

    ResponderExcluir
  6. Irmãos Eduardo e Anônimo,

    "Os escritos científicos não são mitos, os bíblicos sim. Respeito sua opinião, mas essa é a minha."

    Irmãos, no meu estudo pessoal das Escrituras tenho visto uma superabundância de evidências que a evolução é fato, mas também temos de aceitar o relato da criação como também factual. Assim, qual a saída?


    É aqui que todos erraram - e erram até hoje. Será mesmo que 'temos de optar por um ou por outro conceito? . . . .

    Irmãos, é primordial que entendam sobre o simples e bíblico formato da evolução/criação. Sim, tenho apresentado evidências em prol duma conciliação das duas vertentes do saber. Saibam, irmãos, que o que é mito são os contraditórios e ímpios ensinos dos líderes religionistas que, imaginando estarem do lado da verdade, desprezam e mandam que desprezem as evidências da evolução e que, além disso, perseguem os que tentam aprender a única verdade sobre as origens da vida - aqui e muitos milhões de planetas, nesta e em várias galáxias universo afora.

    São a estes homens e aos seus ensinos que devemos evitar, não os ensinos verdadeiros das Escrituras, pois Ela, em sua totalidade, permitem ampla visão da conciliação entre as duas versões, fazendo delas uma só verdade.

    Aprendam a verdade e desprezem os líderes religionistas e seus eninos fermentados.

    Apóstolo TDS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E dentro dessa "união entre as explicações científicas e as religiosas" entram as várias teorias científicas sobre um mesmo assunto e as diversas escrituras sagradas das inúmeras religiões existentes e daquelas que já existiram? Ou "só vale" aquilo que você acredita, ApóstoloTDS?
      Leandro

      Excluir
  7. Leandro disse:

    "Eu disse que não se tem explicação apenas achismos
    da parte religiosa e da parte cética"

    Resposta:

    Continuo dizendo que seu 1° comentário certamente também se dirige a ti mesmo.E a prova é que vc continuará a tentar convencer ambas as partes de que SEU conceito é o mais abalizado.Vejo que começou a fazer isso com o apóstolo.Fora o fator cognitivo a todos nós de que ninguém sabe tudo e jamais saberá,ou acha que o oculto é sinal de que o óbvio não se pode saber?

    "E para fortalecer a sua crença vc precisa apontar as incongruências de outras teorias sem provas como as suas próprias?"

    Você tem certeza do que está dizendo ou essa falta de objetividade aponta uma natureza dúbia?

    Onde eu apontei as incongruências de outras teorias sem provas como as minhas próprias?

    Tudo o que fiz foi confirmá-las como válidas mas que em nada depõe contra um criador e acrescentei ao que vc chama de minha teoria(creio que se refira à religiosa)o fato de que o senso moral e a consciência estão aquém de ser harmonizados com explicações científicas aleatórias.Isso não te diz nada?
    Assim,nota-se o fato de que eu acredito e aprecio a ciência e a uso para fortalecer sim a minha crença,no entanto,não posso dizer o mesmo do ceticismo.Daí que,se tu não aceitas as provas do tipo:Deus,e nem as provas do tipo:laboratório,então estás na posição mais confortável,aquela que se senta na arquibancada sem saber para qual time vai torcer..Diga qual é a sua e continuamos amigos,mas seja objetivo.
    Banzai!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Caio.
      Se o 1º comentário que você se refere é:
      O-Sensei3 de setembro de 2013 08:19
      É incrível como o ser humano tem que se projetar naquilo que quer explicar, algo que no momento não temos explicação e mesmo que nunca tenhamos, afirmam com toda a certeza do mundo algo que querem tanto acreditar, querem tanto se convencer de que aquela imaginação é real que tentam mudar a opinião de outrem só para apoiá-lo em seus "achismos"... é preocupante.
      Leandro
      Então, eu reafirmo meu pedido do 2º comentário que fiz:
      O-Sensei6 de setembro de 2013 07:42
      Caio,
      Copie e cole onde eu afirmei em meu post acima algo para você dizer: "o abaixo assinado "O-Sensei",sem se aperceber que o mesmo poderia ser dito sobre vc ou ele mesmo." Eu ratifiquei a existência ou não de Deus ou sobre o Universo? Pelo que eu lembro ter escrito, eu disse que não se tem explicação, apenas "achismos" da parte religiosa e da parte cética. Estou esperando sua resposta
      você escreveu:"E a prova é que vc continuará a tentar convencer ambas as partes de que SEU conceito é o mais abalizado"
      R-Onde em meus comentários a você ou ao TDS(que você citou mais adiante) em tentei convencê-los que meu ponto de vista é o mais abalizado? Eu só mostrei que não há bases materiais para provar algo como Deus e sua influência(o que EU ACHO que nunca terá, pois Deus -se existe- EU ACREDITO que deva ser incognoscível e inefável)
      você:"Vejo que começou a fazer isso com o apóstolo."
      R-Onde mostrei que minha visão é mais abalizada? Quando fiz uma pergunta?! Isso é afirmar(uma pergunta!) algo?
      você:"ou acha que o oculto é sinal de que o óbvio não se pode saber?"
      R-o oculto poderá ser descoberto, o óbvio é subjetivo. Muito do que é pra você óbvio hoje, não era quando eras criança. E é assim com todos.
      você:"Você tem certeza do que está dizendo ou essa falta de objetividade aponta uma natureza dúbia" em relação a: "E para fortalecer a sua crença vc precisa apontar as incongruências de outras teorias sem provas como as suas próprias?"
      R-Perdão se não ficou claro, vou reformular: Mesmo você não tendo provas materiais, assim como os cientistas não têm, para fortalecer sua crença, você aponta aonde os céticos não tem dados para embasar suas teorias?
      você:"Onde eu apontei as incongruências de outras teorias sem provas como as minhas próprias?"
      R-Concordo com você, aqui foi um erro meu, eu inferi isso, em nenhum momento você citou algo a respeito, perdão.
      você:"Tudo o que fiz foi confirmá-las como válidas mas que em nada depõe contra um criador e acrescentei ao que vc chama de minha teoria(creio que se refira à religiosa)"
      R- Concordo com você, não depõe contra, mas também não prova coisa alguma.
      você:"o fato de que o senso moral e a consciência estão aquém de ser harmonizados com explicações científicas aleatórias.Isso não te diz nada?"
      R-Eu não acho que são aleatórios o senso moral e a consciência.
      você:"Daí que,se tu não aceitas as provas do tipo:Deus,e nem as provas do tipo:laboratório,"
      R-Releia meu post, eu disse que não aceito "provas"(entre aspas) científicas baseadas em TEORIAS NÃO REPLICADAS em laboratório, só isso. Assim como não aceito teorias -"provas"- religiosas só porque os Deuses disseram em seus livros sagrados.
      Espero ter explicado os pontos relatados.
      Abraço, perdão se fui rude no início, as vezes "erro na mão" e Banzai para todos nós!
      Leandro

      Excluir
  8. Eduardo,

    Sim eu acho tais rochas lindas,especialmente quando elas são pulverizadas por nossa atmosfera e se tornam lindas estrelas cadentes.Elas em nada prejudicam o espaço sideral e muito menos a terra,super protegida,a ponto de não se ter,no campo científico ,nenhum perigo atual,segundo os próprios estudiosos no assunto.E,mesmo que nossos hábitos de produzir lixo atmosférico que prejudica este escudo que vc faz questão de excluir e se concentrar nos "pedregulhos",ainda assim,não vejo porque desonerar Deus por causa disso que vc chama de "imperfeição".Como pode existir vida tão frágil num ambiente tão hostil como o que cerca a terra? parece que ela foi projetada cuidadosamente,não? Ou será que ela surgiu pelo poder criativo da imperfeição aleatória?


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sendo que se um desses pedregulhos gigantescos cair aqui na terra, não haverá um Caio para acha-los bonitos. Creio que as almas dos Dinossauros poderiam dar-me apoio apologético nesse caso:

      Cf. What Killed Dinosaurs: New Ideas About the Wipeout

      Tem pessoas que acham belíssimas as armas de fogo, então que tal dar um passeio em plena guerra no Afeganistão? Beleza é extremamente subjetivo Caio. Você vê beleza em um objeto que se caísse na terra dizimaria toda a raça humana, respeito sua opinião, mas isso é loucura para mim.

      Será que se você fosse um dos 25 pacientes que quase morreram com a queda do meteorito na Rússia em 2013, estaria todo arrebentado e mesmo assim dando graças a Deus pela dádiva maravilhosa e perfeita que caiu do céu?

      Cf. 25 Meteorite Patients Discharged From Hospital

      Não é só a terra que possui esse “campo protetor”. E mesmo ela tendo um campo protetor que nos protege apenas de pequenos meteoritos, não nos protege dos grandes e se protegesse, pra mim seria o mesmo se eu voltasse vários criminosos na rua e depois colocasse segurança armada, qual o sentido disso?

      Os meteoros ameaçam desde há muito tempo a vida na terra:

      Cf. Asteroid Could Fly 8,600 Km From Earth in 2026 – Astronomer
      Cf. Huge Chunk of Meteorite Located in Urals Lake - Scientist

      Graças a Deus existem pessoas que sabem que o universo está se f*** pra nossa existência e pra isso eles buscam calcular a trajetória dos mesmos para conseguirmos desviá-los ou destruí-los a tempo. Em outras palavras, enquanto os crentes dão glória a Deus pelos pedregulhos gigantescos que poderiam acabar não só com sua vida, mas com sua Igreja e a Bíblia que tanto prezam, são esses cientistas – na grande maioria ateus – que te dão o direito de ter uma boa noite de sono, sabendo que eles estão ali 24hrs trabalhando para que um desastre desses não aconteça.

      Não me surpreendi com sua resposta. Já escrevi aqui um artigo sobre os infanticídios do A.T. e mesmo assim a laia de crentes comenta o artigo dizendo que eram as leis “perfeitas” de Deus; conseguem ver beleza até em um israelita enfiar uma espada nas entranhas de uma criança só porque seus pais adoravam outros deuses. Loucura? Sim e das piores, tanto quanto toda e qualquer busca em forçar uma prova na existência de Deus por meio das coisas que nos arrodeia, pois a vida, mais do que qualquer coisa, é HOSTIL e INDIFERENTE.

      Excluir
  9. Concordo quase que plenamente com os argumentos do irmão Eduardo. O universo é mesmo um lugar assombrador para a vida. Mas cedo ou mais tarde um asteroide virá e, se for uma daqueles grandes mesmo, não haverá nada que nós humanos - crentes ou cientistas - possam fazer. É um erro o irmão Eduardo dizer aqui que 'há cientistas que trabalham 24hs por dia para identificar, monitorar, traçar a trajetória e nos livrar dos asteroides que nos cercam'. Ora bolas, se vier um daqueles, eles vão fazer o que além de traçar sua trajetória e depois escolher entre rezar ou visitar seus entes queridos para morrerem todos juntinhos?

    Eu assisti um vídeo no Youtube - recomendo a todos os seres humanos: "Construindo O Planeta Terra"

    É no que ali está exposto que acredito. Mas alguém - talvez o irmão Sensei - possa me perguntar: 'mas esse vídeo nada fala sobre os Deuses, como pode tu acreditar nele e ao mesmo tempo acreditar na existência Deles?'

    Talvez a resposta seja: os produtores do vídeo se esqueceram, ou tiveram preguiça, ou mesmo não quiseram entrar em assuntos polêmicos. Ou também a resposta seja a de que não incluíram os Deuses porque simplesmente não creem que Eles tenham algo que ver com a existência do universo e neste ponto eles têm razão, pois não há nada maior que o universo - isto eu tenho crido e tenho divulgado em minhas declarações onde quer que eu tenha falado.

    Qual é a razão então para que eu acredite no modelo apresentado no vídeo e, ao mesmo tempo, declará minha fé na existência dos Deuses Jeová?

    Na junção dos dois saberes. Novamente tenho de mencionar a palavra que falei logo mais acima: "conciliação". Existe a possibilidade de reconciliar a 'construção de um planeta' com a existência de Deuses? Sim, existe. Mas não vá esperando que creio ou que defendo algo que você aprendeu nas estorinhas contadas por 'homens e mulheres velhos', filosofias mentirosas e malditas, trais como a crença de que foram ops Deuses quem criaram o universo, as galáxias, as estrelas, os planetas, luas, asteroides e todas as infinidades de coisas que existem na existência. Tenho evidenciado que mesmo Jeová - os Deuses - foram 'criados pelo universo'.

    Irmão Eduardo, Carl Sagan acreditava na existência de vida inteligente na terra. Tenho de dizer que fui um grande fã de seu trabalho e lamento muito que homens 'daquele estirpe' tenha que morrer.

    Quem são os 'alienígenas' a que o Sr. Sagan tanto falava? Pode ser minhocas, vírus, micróbios e outros tantos tipos de micro-vidas - 'aqui' em Marte ou mesmo numa 'super-terra' a mais de 40 anos luz daqui.

    O fato é que nós acreditamos na existência de vida extraterrestre e, embora que a ciência moderna nunca que tenha visto uma, acreditamos mesmo assim. Por que? Porque sabemos que não é possível que num universo 'deste' tamanho só aqui, na Terra, foi que a vida se apresentou.

    Vai uma resposta ao irmão Sensei:

    Sim, acredito não só na Bíblia como a fonte das verdades ou que somente ela apresente as coisas 'estranhas' que sobrevieram aos primitivos homens. Acontece que 'tivemos' visitas de fora - de inteligências extraterrestres superpoderosas tecnologicamente falando. Estes são os Deuses que a Bíblia e muitos outros livros antigos narram.

    ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ok, Apóstolo TDS. Entendi seu ponto de vista e até concordo com algumas partes dele.
      Abraço
      Leandro

      Excluir
    2. Eu não desacredito que exista vida inteligente fora da terra, acho isso uma gigantesca probabilidade. No entanto, não os vejo, ou os veria, como "deuses". Um universo desse tamanho só conosco seria um verdadeiro desperdício de espaço.

      Excluir
    3. É nesta parte que você citou que concordo com o ApóstoloTDS!
      Leandro

      Excluir
    4. Os irmãos 'não veem alienígenas como Deuses' por que não querem ver. Afinal, se os dito cujos estiverem a milhões de anos à nossa frente em termos de existência e de tecnologia, do que chamaríamos eles se, 'por acaso', um dia eles 'descessem dos céus' neste planeta? E se eles já 'fizeram exatamente isso', mas num passado remoto, tipo a 12 mil anos atrás e até mais recentemente, a uns dois mil anos?

      Reparem que falta de evidências é que não é pra que os irmãos creiam na possibilidade bem real e que saltam aos olhos.

      Apóstolo TDS

      Excluir
    5. Se por Deuses você entende seres extraterrestres mais evoluídos do que nós e não entidades sobrenaturais, então essa sua teoria me é possível, Apóstolo TDS.
      Abraço.
      Leandro

      Excluir
  10. ...

    Porém, por ser um cristão - um seguidor das pisadas do Deus-homem, Jesus - tenho de crer que a Bíblia é a maior das fontes da verdade e, por razões óbvias, a melhor fonte. Afinal, os Deuses tiveram tratos diretamente com os antigos que escreveram os livros que a compõem.

    Sim, existe vida extraterrestres, com poder tecnológico muito à frente do nosso e que nos 'criaram' à imagem deles. É por isso que imitamos a tudo o que eles já fizeram e fazem.

    Irmão Eduardo, visto que nenhum cientista se apresenta para responder uma só pergunta feita por mim, vou solicitar ao irmão que pense em como ela seria respondida, okay?

    É o seguinte: Os evolucionistas acreditam que o Homo sapien domina este planeta a aproximados 200 mil anos (este cômputo leva em conta os seis mil anos desde Adão, conforme crença religiosa). a pergunta é simples: por que que só agora, nos últimos seis mil anos, o Homo sapiens, aprendeu as coisas?: A escrita, a linguagem, as artes, a tecnologia e tantas outras coisas. Por que não aprenderam a fabricar um simples isqueiro antes de 6 mil anos atrás?

    Todas as crenças - bíblicas e não bíblicas - nos contam que, após a 'visita' dos Deuses a este planeta, a evolução acelerou. nós hoje enviamos máquinas robotizadas rumo às estrelas e mapeamos a superfície de outros mundos como se estivéssemos fazendo isso no nosso quintal. A bíblia testemunha o uso de tecnologias pelos Deuses e isso explica o fato de 'termos sido criados à imagem e semelhança deles'.

    Como conciliar evolução e criação? é aqui que reside todo o segredo das coisas. Todas as descobertas da verdade residirá no fato de que temos de conciliar as duas coisas para compreendermos a inteira verdade. Não existem verdade sem a crença na evolução e tampouco os cientistas - ateus ou não-ateus - podem desconsiderá as mais perturbadoras verdades advindas das páginas de 'simples livros', escritos por 'homens ignorantes' do passado, como o irmão Eduardo tem dito involuntariamente algumas vezes.

    Que os Deuses, os únicos que têm o poder de nos livrar da trajetória certeira de um grande asteroides, tipo aquele que deu cabo à vida dos infelizes dinossauros, a mais de 65 eternidades atrás, possam proteger sua criação 24 horas por dia, 365 dias por ano.

    Apóstolo TDS

    ResponderExcluir
  11. "A vida é hostil"

    Isso é um fato,comprovado.Mas este é o mundo que nos cerca,afinal o universo não foi feito para nós.Fomos criados aqui,pois o que vc chama de "o que",ou "algo" tem um extenso poder de criação e um dia chegou nossa vez de surgir em seu mundo onde a hostilidade já devia existir.De modo que isso nada diz sobre se há ou não um criador.

    Não quero ferir sua suscetibilidade pois como vc bota fé em alguns mitos científicos talvez exista a possibilidade de se transformar no incrível hulk. Mas não dá para passar despercebido sua resposta mitológica,veja:

    1-Os dinossauros não foram dizimados por um asteroide.Pesquise melhor sobre o assunto.O que eles dizem ter acontecido há 65 milhões de anos não tem como ser medido por aparelhos ou meios humanos.
    2-O que eles dizem é que talvez(a unica prova é uma cratera soterrada)um asteroide tenha caído,no entanto existe uma margem de erro de 32 mil anos entre um acontecimento e outro e, acredite,eles acham essa diferença pouca coisa em se tratando de uma medição que alcança milhões de anos.É por isso que mesmo alguns paleontólogos não botam tanta fé assim no mito como você.

    3-O asteroide que vai cair na minha cabeça na próxima década(link)já foi desviado de sua rota de colisão pela mídia.Aliás,pela própria comunidade científica.De 50 mil quilômetros de distância da terra(em distância astronômica o risco de não colidir a essa distância é zero)foi constatado que a órbita do seu "dêmonio" de pedra está a um milhão de quilômetros da terra,ou seja,risco de colisão zero.Mais um mito que vc espalhou extraído de uma de suas "bíblias".

    "A atmosfera só nos protege de pequenos meteoritos" (aqui vc recorre a um mito pessoal seu)

    Pois é justamente o contrário,o que atinge o solo são os pequenos meteoritos,a maioria do tamanho de um grão de areia.
    Ela,atmosfera,pulveriza os grandes e os transforma em pequeninos meteoritos,que na grande maioria caem no mar e regiões desérticas e isoladas.Os grandes asteróides,aqueles que o campo protetor talvez não consiga pulverizar totalmente , passam extremamente longe a ponto de não haver nenhum sinal de alerta dos cosmólogos sobre um risco de colisão,alguns deles bolam uma estratégia de defesa apenas baseado em seus medos de que um dia pode acontecer.Portanto,
    pesquise bem o assunto:
    Asteroide,
    meteoroides,
    meteoros e
    meteoritos.

    Você ficará surpreso com um fato que derruba o seu mito:
    Não há relatos de um ser humano sequer ter morrido ao ser atingido por uma pedra caída do espaço em seis mil anos de humanidade!

    ISTO É UM FATO!!

    É mais fácil alguém morrer com a queda de um coco(130 mortes por ano,nenhuma na bahia,rs).

    O seu meteoro não desintegrado da Rússia fez o que fez porque estão destruindo a atmosfera terrestre,vc deve ter acompanhado a reportagem no "Fantástico".

    Ou vc acha que perfeição envolve não cuidar e desenvolver,nesse caso o imenso espaço cerebral não utilizado está ali aleatoriamente só para enfeitar!

    Minha conclusão é que você encheu sua cabeça de mitos científicos e decidiu numa grande demonstração de fé acreditar em seus deuses.É,meu amigo,é esta fé,bem como nossa consciência e senso moral,junto com outras demonstrações factuais abstratas dentro de nós que nos tornam humanos incapazes de nos igualar a algo impessoal e por mais que você se debata contra isso,apenas uma pessoa pode passar isso para outra.Pois,ainda que o impossível aconteça de peças aleatória formarem um celular que funcione jamais poderia acontecer de vir no pacote os sentimentos que distinga um celular como um "ser".E isso inclui o seu medo.
    Não se aborreça.

    O grande fato:

    NÃO HÁ RELATOS DE MORTES HUMANAS CAUSADA POR ASTEROIDES ETC.."

    (Sua comparação com bandidos à solta passou longe da órbita)


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, li todo seu texto e não há UMA ÚNICA REFERÊNCIA, uma ÚNICA citação de alguma autoridade no assunto, embora na minha pequena resposta eu tenha lincado 4 sites ESPECIALIZADOS no assunto, inclusive um deles é especializado só em meteoros, meteoritos e afins.

      Você simplesmente desmente tudo e por conta própria, mas você não é autoridade no assunto; qual sua formação? você trabalha com o que para desmentir dois sites conhecidos internacionalmente, você sequer teve condições de ler os sites, tendo em vista estarem eles em inglês?

      Não estou interessado em sua opinião. Escrever um texto do tamanho do mundo inteiro dizendo que o mundo todo está errado e só você e seu livro milenar estão certos é algo, de fato, que muito, muito pouco me interessa e se eu tivesse visto que era essa sua disposição mental, nem sequer teria te respondido.

      Estou interessado em pesquisa séria, pois esse é o meio de se descobrir a verdade sobre as coisas e não achismos. Eu referenciar toda minha resposta e, no final, você dizer que não é verdade, como se isso fosse o suficiente, como se sua palavra fosse a palavra final, é algo comum no fanatismo religioso, por isso não é algo que tenha me surpreendido.

      E só estou te dando essa resposta, porque as pessoas visitam essa página e lerão isso, verão como funciona o argumento dos religiosos, querem ganhar os debates na base do grito.

      "(Sua comparação com bandidos à solta passou longe da órbita)"

      E mesmo assim você não teve condições de respondê-la. Esse debate encerra-se por aqui, não apenas não irei mais responder, como não irei aprovar seus comentários. Interesso-me por pesquisa séria, não por opinião alheia. Não estou aborrecido, não estou fazendo isso por raiva, mas simplesmente porque a internet já está pululando de sites e blogs sem credibilidade, com fatos distorcidos, para eu permitir que isso ocorra com o meu. Acima da caixa de comentários tem até dois artigos mostrando sobre quais comentários irei aprovar.

      O motivo dessa minha decisão é que seus comentários são apenas opiniões próprias. Engana-se quem acha que um belo dia você vai chegar aqui e dizer, "desculpa Eduardo, você tem razão...", então sei que nosso debate não teria um fim. Eu sou aberto, porque já estive do seu lado, mas você nunca esteve do meu, então estou em uma leve vantagem, pois sei o que é crer e sei o que é desacreditar, mas você só conhece um lado da moeda, e isso porque você precisa dessa crença pra ser feliz... creio que se amanhã você desacreditasse, ficaria mais perdido que cego em tiroteio.

      "Minha conclusão é que você encheu sua cabeça de mitos científicos e decidiu numa grande demonstração de fé acreditar em seus deuses."

      Você, além de não saber o que está dizendo, já se esqueceu de que afirmei que não sou ateu...

      Você se alimenta da tua fé e teu deus da tua ignorância. Próxima vez que tiver um resfriado, não tome aspirina, pois tudo isso é mito científico, leia um salmo que você melhora. ;-)

      Obrigado pela visita, pela contribuição ao blog e até uma próxima oportunidade. Case closed.

      Excluir
  12. Se eu resolvesse dar um passeio pela guerra do afeganistão durante 6 horas e voltasse de lá ileso eu me consideraria um cara de "sorte".

    Se eu fizesse isso durante seis dias poderia dizer que o "acaso' me protege.

    Caso eu desafiasse fazer isso por seis anos atribuiria minha sobrevivência à minha enorme capacidade de me esconder em buracos e afins.

    Mas seu resolvesse morar lá e a guerra nunca acabasse e eu sobrevivesse durante toda a minha vida e meus filhos e os filhos de meus filhos,toda a minha prole fizesse isso já por seis mil anos e nada acontecesse de levar os tiros e também notasse que todos os habitantes do afeganistão jamais morreram com um tiro de armas da guerra,nesse caso,mudaria meu conceito sobre o que penso.Isso é ciência também.
    Afinal Marcelo Gleiser foi ateu um dia,hoje é um agnóstico..amanhã Deus talvez o saiba.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho 'conversado' muito com o irmão Marcelo Gleiser. Tenham todos a plena certeza: ele simpatiza e muito com o que tenho exposto pelo espírito em meu profetizar.

      Apóstolo TDS

      Excluir
    2. Caio, não sei de onde você tirou essa informação, mas Marcelo Gleiser é ateu declarado:

      "Se sou ateu; se fico transtornado quando vejo a infiltração de grupos religiosos extremistas nas escolas, querendo mudar o currículo, tratando a ciência em pé de igualdade com a Bíblia; se concordo que o extremismo religioso é um dos grandes males do mundo; se batalho contra a disseminação de crenças anticientíficas absurdas como o design inteligente e o criacionismo na mídia; por que, então, critico o ateísmo radical de Dawkins? Porque não acredito em extremismos e intolerância. ... É essa crença ignorante que deve ser combatida; ... É a hipocrisia usada sob a bandeira da fé que deve ser combatida, não a fé em si." [Gleiser, Marcelo (3/12/2006). Ateísmo (menos) radical. Folha de S.Paulo. Página visitada em 30/01/2013.]

      Apesar dele não ver nenhum mal em si, no fato das pessoas acreditarem, ou terem fé em um deus, tanto quanto não vejo, Gleiser vê isso como uma necessidade meramente psicológica, necessidade essa que ele mesmo deixou para atrás há muito anos.

      Excluir
    3. ""... A mecânica universal não precisa de Deus! As pessoas podem precisar de Deus! São duas coisas completamente diferentes!"" [Ibidem]

      "Para mim, não há absolutamente nenhuma dúvida de que o sobrenatural é completamente incompatível com uma visão científica do mundo, visão que costumo defender arduamente." [Ibidem]

      Excluir
    4. Parabéns Eduardo, além de muito bem embasado, você não apenas demonstra sua opinião, mas acima de tudo prova por meio de referências que o Caio mal saber o que está dizendo.

      Em todas as respostas do Caio, ele apenas opinou, apenas falou o que ele pensa, mas em nenhum momento provou que alguma autoridade no assunto apoia o que ele está dizendo.

      Tenho absoluta certeza que ele deve ter respondido, embora você não tenha - sabiamente - aprovado mais seu comentário; mas imagino que a resposta dele deve ter sido dizendo que você está errado, mas isso, obviamente, sem fazer referência alguma a ninguém de autoridade.

      Anderson
      Todo que ele escreve ae é regurgitando baboseiras que lê pela internet, só dá pena mesmo de uma criatura dessa.

      Parabéns Eduardo, por sempre mostrar as referência de seus pensamentos.

      Excluir
    5. Obg Anderson,

      E você adivinhou, ele fez dois comentários e todos os dois comentários ele só disse a opinião dele sem fazer referência a nenhuma autoridade no assunto. Ele disse que minhas citações eram "ultrapassadas", mas mesmo assim não mencionou nenhuma citação "nova" sobre um Gleiser agnóstico que está prestes a aceitar o deus mítico que ele ingenuamente adora.

      Depois disse que iria me dar uma resposta atrás do blog do Apóstolo TDS, do qual eu nem ao menos visito e nem me simpatizo com os pensamentos de deuses ETs, por certo achando que vou até um blog de má reputação para ouvir o que ele tem a dizer sobre isso, é se achar muito importante uma pessoa dessa.

      Disse que os links em inglês que citei, especializados em meteoritos, são ultrapassados, sendo que a pobre criatura nem conseguiu ler, pois aquelas artigos não falam de nenhum meteoro vindo em direção à Terra. Ele simplesmente descartou um site que é referência internacional em astronomia, dá pra acreditar? Mas se ele pelo menos fizesse citação de alguém que concorde com ele, mas não, ele fala como se fosse autoridade no assunto rsrsrs...

      Crentes e suas crentelhadas. Obg pela vista! ;-)

      Excluir
  13. Olá, parabéns pela argumentação. Não sou ateu, mas isso não quer dizer que tenho que ser hipócrita para "criar" argumento numa tentativa desesperada para provar que o Deus que tanto preciso que existe, de fato, exista. Infelizmente, foi exatamente o que Caio fez, simplesmente disse: "você está errado Eduardo", mas não provou absolutamente nada e como você bem afirmou, a internet está cheia de lixo sem credibilidade para termos mais um. Todos os sites que você referenciou são realmente de autoridades, inclusive o da National Geographic e mesmo assim o cara ter a petulância de dizer que é tudo mentira.

    Seu blog tem uma excelente qualidade argumentativa. Continue assim!

    ResponderExcluir
  14. Deixa de ser paraíba,cara!

    A questão dos dinossauros

    www.atfreeforum.com/geoforumpt/viewtopic.php?p=309&sid=60535b51cb4643112b00a0add0ccc3e1&mforum=geoforumpt

    pt.wikipedia.org//wiki/extinção do cretáceo-paleogeno

    O meteoro vai ser absolvido pela extinção dos dinossauros-revista época 17/5/2009

    "O enigma dos dinossauros" pg 58-97-Jonh Noble Wilford

    Eu apenas falei sobre o modo falho de medição fóssil usando o iridio e que por isso sua teoria-mito divina não passa disso,qualquer naíba sabe que não se deve debochar de outros sem causa.
    Se pensasse por si mesmo nem precisaria esta bobagem de colocar links
    Que coisa chata,cara!

    Como minha semana está agitada coloco o resto amanhã,inclusive a asneira que vc falou sobre o Marcelo de um artigo de 2006,ele pelo menos tem ombridade de admitir publicamente que se alguém perguntar se ele é ateu ou agnóstico diria que é agnóstico,e disse isto recentemente em jornal,site e livro.Professor tacanho,eu hen..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, vejam só leitores que o nível começou a baixar. Caio, além de insistir em uma coisa que já se constatou sem fundamento, agora parte para as agressões verbais e xenofóbicas, me chamando de PARAÍBA.

      Todo crente perde as estribeiras quando sai humilhado de um debate. Aqui vemos um exemplo clássico de preconceito, ao usar o termo "paraíba" com a conotação pejorativa de alguém "burro", "estúpido". Parabéns para você e a educação que seu deus mítico está te dando!

      Poderia parar aqui, pois com essa, você já perdeu todos os créditos que TALVEZ pudesse ter. Mas vou te massacrar mais um pouquinho.

      Sobre as PSEUDO referências; você é muito amador cara! rsrsrs... você chega a me divertir com tanta besteira e pseudo ciência. Vou te dizer o porquê dessa referências serem infantis.

      Esse fórum que você citou, na verdade, é uma citação da revista época, então ao invés de três referências, temos aqui apenas duas. A revista época não é especializada no assunto. Além disso, o artigo apenas PROPÕE uma nova teoria que NÃO DESCARTA a colisão.

      "Dois estudos publicados no final de abril podem afundar a teoria do meteoro. Num deles, a geóloga alemã Gerta Keller, de 64 anos, da Universidade Princeton, diz que o meteoro não causou a extinção. No outro, James Fassett, de 76 anos, geólogo aposentado do Serviço Geológico americano, não descarta que o meteoro tenha sido responsável pela extinção – mas seu efeito não foi imediato. Ele descobriu que havia dinossauros na Terra 500 mil anos depois do impacto." [Entendeu, ou quer que eu desenhe?]

      Por certo você nem leu o artigo todo, porque cabei de usar sua própria "referência" para te refutar. Mas, obviamente, que existem um ou dois que possam dizer que os dinossauros não foram extintos por isso, embora eu mesmo nunca tenha visto alguma autoridade falar disso.

      Mas isso acontece porque, no mundo acadêmico, coisa que não é sua realidade, os eruditos gostam de contrariar, vez por outra, teorias bem estabelecidas, como a evolução, big bang, mas isso apenas para aparecer, ganhar um grana na venda de livros e depois desaparecer.

      Tenho um lista aqui com 235 geólogos e geofísicos no mundo todo, especialmente da Alemanha e Estados Unidos que apoiam categoricamente o que estou dizendo. Vou citar abaixo apenas as afirmações e descobertas feitas esse ano de 2013:

      William Bottke do Southwest Research Institute: Bill Bottke's Asteroid Research Home Page

      Charles Choi, cientista e escritor renomado do Livescience.com: Asteroid Impact That Killed the Dinosaurs: New Evidence

      Jay Melosh da Purdue University. Geofísico, escritor e palestrante internacional sobre o assunto: Asteroid Killed Off Dinosaurs? New Study Suggests Comet Instead Caused Extinction Event

      Prof. Gerta Keller de Princeton University e Prof. Wolfgang Stinnesbeck da Universidade de Karlsruhe What Really Killed the Dinosaurs?

      Paul Renne, Direto do Centro de Geocronologia da California, EUA. An Asteroid Killed the Dinosaurs: New Evidence

      Excluir
    2. Poderia ficar o dia todinho citando todos os outros, mas só aqui temos já um dilúvio que quebra sua pesquisa super, hiper, mega científica na revista "época". :-)

      Decididamente, você nem lê as fontes, porque as coisas que você citou apoiam o que estou dizendo. O artigo da Wikipédia diz logo no início:

      "A extinção do Cretáceo-Paleogeno (K-Pg), anteriormente chamada de extinção do Cretáceo-Terciário (K-T), foi uma extinção em massa, ocorrida há mais ou menos 65,5 milhões de anos, que marca o fim do período Cretáceo (K, abreviação tradicional) e o início do Paleogeno (Pg). Este evento teve um enorme impacto na biodiversidade da Terra e vitimou boa parte dos seres vivos da época, incluindo os dinossauros e outros répteis gigantes. O registro estratigráfico mostra que o desaparecimento abrupto das espécies que foram extintas coincide com um nível estratigráfico, denominado nível K-Pg, rico em irídio, um elemento químico pouco abundante na Terra1 e geralmente associado a corpos extraterrestres1 ou a fenômenos vulcânicos. Diversas teorias tentam explicar a extinção K-T, sendo que a mais aceita atualmente é a que justifica a catástrofe como sendo resultado da colisão de um asteróide com a Terra."

      Depois o artigo diz:

      "Embora bastante consistente, a teoria do impacto de um asteróide com a Terra há 65,5 milhões de anos pode não estar correta. Pesquisas recentes concluíram que o impacto de asteróide em Chicxulub ocorreu 300 mil anos antes do grande extermínio." ["Pode não estar certo, é diferente de ESTÁ errado. Isso é uma conjectura"]

      Mas o que ele quer dizer aqui é que a teoria ESPECÍFICA de um meteoro ESPECÍFICO pode estar errado, embora até hoje seja o mais aceito. Dai o artigo propõe outra teoria:

      "Também existe a possibilidade de que milhares de anos depois da queda do asteróide na América do Norte outro asteróide tenha se chocado com o planeta, mas dessa vez o impacto teria sido no oceano e, por isso, os seus vestígios ainda não foram encontrados." rsrsrs... entendeu? :-)

      O outro carinha que você citou, John Noble Wilford, tenho 100% de certeza que você nunca sequer leu o livro dele. Por mera coincidência, eu tenho o livro The Riddle of the Dinosaur de 1985, na página 230, diz:

      "What I suggest is just a possibility... and what I think is that ANOTHER meteor crashed and wiped out the dinosaurs..." [Coloque no Google tradutor e veja o que ele está afirmando aqui, que desmente toda sua teoria ridícula e anticientífica.]

      Poderia ter sido mais humilde e ter ficado calado, mas infelizmente você está pagando uma papelão como xenofóbico e desinformado do assunto.

      Obg pelos adjetivos e vejo que você está aprendendo certinho com seu deus bíblico!

      Excluir
  15. Amigo,
    Vc chama crentes de "laia"
    e outros adjetivos mais,daqui do lado de cá da tela sua educação parece não ser tão espelhada assim,então te falta essa moral que pensa ter.
    Mas realmente não me agrado desse tipo de atitude nem de minha parte e nem da sua.Você precisa aceitar o fato de que tudo são "teorias".

    Em segundo lugar,eu não desfiz de teoria alguma sobre extinção de dinossauros,apenas lhe disse,sem de ficar citando links,pois existem muitos,que é apenas uma "teoria" impossível de se provar porque as ferramentas humanas são limitadas demais para isso,mesmo o Marcelo é humilde em reconhecer isso.O irídio é encontrado tanto fora do planeta terra como no seu núcleo,por isso,existem muitas outras teorias sobre o dito cujo ter sido encontrado num rastro de uma cratera no méxico,erupções vulcânicas,movimentos de placas tectônicas etc..
    Se vc conhece tudo sobre isso não falaria de sua teoria do asteroide com tanta certeza,é isso o que estou tentando dizer,e que vc faz questão de desviar o foco solicitando links,aliás,eu nem preciso fazer isso no caso do marcelo Glaser ser agnóstico você mesmo pode se certificar em vez de solicitar links.

    Quanto à revista época ser desacreditada por ti creio que você poderia dizer o mesmo da agência de notícias Rianovost dos seus 2 links que apenas citou notícias de queda de meteoritos.O forum dos geólogos que te citei recomendaram a revista e no entanto vc desfez da notícia.

    O fato da maioria dos estudiosos no assunto aceitar tal teoria não significa que a minoria esteja errada,pois não SE TEM CERTEZA DE QUE A EXTINÇÃO DE DINOSSAUROS FOI UM ASTEROIDE.
    O grande fato que vc não quer saber e que está debaixo dos nossos narizes é que a taxa de mortalidade devido a queda de meteoritos até o momento é praticamente nulo.Se o inimigo existe o nosso medo o faz mais feio do que é,isso também vita mito.(em vez de me pedir links veja lá por si mesmo).Na verdade a wikipedia não endosou teoria nenhuma,apenas mostra que existem outras "teorias" e é o que venho te dizendo.

    Quanto ao livro do "carinha" que vc diz que tem deixe de mentira pois se o tivesse deveria ler minha referência e páginas onde entre outras
    coisas diz na pg63: "Autores de variada competência sugerem que os dinossauros desapareceram porque o clima deteriou,ou que a dieta se deteriorou.Outros escritores puseram a culpa em doenças,parasitos,mudanças na pressão ou na composição da atmosfera,gases venenosos,pó vulcânico,oxigênio em excesso provenientes das plantas,METEORITOS,cometas,esgotamento do pool genético por pequenos mamíferos comedores de ovos.radiação cósmica,mudança dos pólos gravitacionais da terra,ENCHENTES(poderia ser um dilúvio),deriva continental,drenagem dos meios ambientais pantanosos e lacustres,manchas solares."(Cientistas são citados por ele).
    Em todo o livro ele fala sobre tais diversas teorias.Creio que vc deve parar de citar prefácios e anúncios de venda de livros(rs)

    Não desfaça do que outras pessoa dizem pois desacreditar fontes é a maior falácia que existe.Em momento algum eu tentei te "humilhar" como é sua índole fazer sobre a fonte ultrapassada que vc citou sobre o ateísmo de Marcelo glaser,que tem humildade suficiente para evoluir.

    Estude bastante sobre o assunto e vera que pelo menos 95% do que afirmo é baseado em pesquisa séria e aberta a ideias.

    Isso vale também para aqueles bobos que entram aqui apenas para não acrescentar nada a não ser o desinteresse em aprender.

    ResponderExcluir
  16. Caio, você é um exemplo claro de péssimo perdedor em debate. O Eduardo te massacrou com argumentos factuais, além de apontar claramente seu desespero ao chama-lo de "paraíba".

    Depois dele mostrar claramente a falácia dos seus argumentos, você agora mudou a conversa, dizendo que na verdade ninguém sabe o que aconteceu. Cara, quem é você para falar de humildade? Você elogia esse pensamento "humilde" de dizer que não sabemos, são apenas teorias, porque isso dá brecha pra esse teu deus mitológico.

    E para mim, o pior de todo, foi você dizer que o cara tá mentindo ao dizer que tem o livro, PQP essa foi FODA!! Vou usar seu próprio argumento. Deixa de mentira porque se você tivesse o livro, a edição original em inglês, teria lido o que ele diz na página 230:

    "What I suggest is just a possibility... and what I think is that ANOTHER meteor crashed and wiped out the dinosaurs..."

    Ah, e paraíba é a senhora sua mãe que te colocou no mundo, respeite minha terra!

    Eduardo, várias vezes já li aqui no blog você pedindo desculpas e reconhecendo eventuais erros. Não permita que essa anomalia te iniba de alguma coisa, ele está desesperado, tão desesperado que até para escrever não está conseguindo dar espaço, pontuação e correções ortográficas.

    Abraços

    Vinício Lima

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obg Vinício pela participação e pelas palavras. Realmente, essa foi a última gota, dizer que estou mentindo sobre ter o livro. Caio, desde 16 anos que coleciono livros, estou atualmente com 31, então creio que minha biblioteca seja bem extensa.

      Abaixo vão duas fotos do livro:

      The Riddle of the Dinosaur (1)

      The Riddle of the Dinosaur (2)

      Eu tenho ele em ebook também. Aqui vai o trecho onde tirei a citação:

      Citação do Ebook

      Diga-se de passagem que esse livro não foi publicado no Brasil ainda, então provavelmente o Mr. Geofísico Caio deve ter tirado isso de algum site meia-boca da internet e coloca aqui como se tivesse feito uma pesquisa ultra, mega séria.

      Não vou mais me dar o trabalho de responder. Acho que, até aqui, já foi o suficiente para as pessoas decidirem por si mesmas. Meu erro foi de ter continuado a fazer algo que disse que iria parar, ou seja, aprovar seus comentários.

      Apelar me chamando de "Paraíba" e depois me chamar de mentiroso, foi o suficiente para saber que estou a debater com um criança. Caio, arrume um emprego, uma namorada e esqueça esse blog e esse assunto. Não vou mais, definitivamente, aprovar seus comentários, eu os classifiquei como SPAM, isso significa que, mesmo que você responda, o BLOGGER irá deletá-los automaticamente, em outras palavras, não te darei a honra de nem ao menos lê-los.

      Excluir
    2. Sobre o termo "laia":

      laia
      s. f.
      1. [Antigo] Lã.
      2. Jaez, raça, qualidade, casta.
      3. [Gíria] Prata.
      à laia de: À maneira de.

      Não vejo como isso poderia ser ofensivo. Já o termo "paraíba"... preconceito regional extremado, merecia era um processo nas costas.

      FONTE: Priberam

      Excluir
    3. Em todo caso... Você deu uma lida naqueles ebooks que te mandei, Eduardo? Se sim, acrescentaram algo ou foi "mais do mesmo"?!
      Leandro

      Excluir
    4. Olá leandro, pra lhe ser sincero estou atualmente sem condições nenhuma de ler "nada" pq tou fazendo outra graduação e estou na parte da monografia... tanto que ando sem tempo nem para postar aqui. Mas irei lê-los com certeza e sem dúvida irão me acrescentar bastante.

      Excluir
    5. Ok, Eduardo. Espero que tudo saia bem em sua outra graduação!
      Abraço
      Leandro

      Excluir
  17. Eduardo,
    em vez de arrumar uma namorada esse jovem
    foi comentar sobre as baboseiras do asteroide lá no blog do seu concorrente, acho bom vc dar uma olhadinha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Homi... se você soubesse como minha vida é corrida pra eu parar pra ler isso. Vou deixar o boy ser feliz gritando para o mundo todo ouvir que o Deus dele existe.

      Paciência!

      Excluir

Antes de comentar, queira ler os artigos Critérios para se Aprovar Comentários e Respostas à Alguns Comentários. Obrigado pela visita e pela participação!

Comentarios Recentes

Compartilhe este Artigo

Delicious Digg Facebook Favorites More Stumbleupon Twitter

Search Our Site